22ª Parada do Orgulho LGBT discute lesbofobia neste domingo, em Goiânia
Evento aborda violência cotidiana contra lésbicas e pretende dar visibilidade às mulheres que são vítimas destes crimes.

Neste domingo (10), Goiânia recebe a 22ª edição da Parada do Orgulho LGBT. Em 2017, o tema escolhido para o evento é ‘Lesbofobia é Crime’. O objetivo é abordar os problemas vivenciados pelas mulheres lésbicas no cotidiano e dar visibilidade à classe.

A organização da Parada é da APOGLBT-GO (Associação da Parada do Orgulho GLBT de Goiás). A saída será por volta das 12h, do estacionamento do Parque Mutirama, e o público percorrerá a partir do local, as avenidas Paranaíba, Tocantins e Araguaia.

Como um evento politizado, o mote da discussão é a violência contra mulheres lésbicas – ocorrências que recebem o nome de lesbofobia, por caracterizar a junção das violências sofridas por gênero e sexualidade. Estes crimes não entram nos levantamentos pelo fato de não haver no Brasil, a diferenciação entre lesbofobia e homofobia, e porque não existe uma tipificação para crimes de violência por sexualidade. Devido a isso, estes casos são tratados como “crime de ódio”.

A 22ª Parada LGBT de Goiânia tem apoio da Prefeitura Municipal, do Governo Estadual e de mais 15 ONGs goianas, apoiadoras de causas como a prevenção das DST/AIDS, Direitos Humanos e Cidadania LGBT.

SERVIÇO

22-parada-do-orgulho-lgbt-goiânia-divulgação

22ª edição da Parada do Orgulho LGBT de Goiânia

Quando: domingo, 10 de setembro
Horário: a partir das 12h
Onde: saída do estacionamento do Parque Mutirama (Av. Araguaia c/ Av. Contorno – Centro – Goiânia – GO)

Confira percurso no mapa a seguir:

percurso-parada-lgbt-2017

Foto: reprodução.

Recomende este conteúdo aos seus amigos nas redes sociais e acompanhe a Factual no FacebookTwitter e Instagram.

Vinicius Martins

Editor da Revista Factual, jornalista em formação, cristão, músico, entusiasta da música e designer gráfico. Gosta de ler, tocar violão, bateria e curtir bons sons. Um apaixonado por Goiânia e seus encantos. Motivado pelo aprendizado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *