Outubro Rosa: SBM lança campanha que desafia as mulheres

0
outubro-rosa

Neste Outubro Rosa, a Sociedade Brasileira de Mastologia lança em todo o Brasil a campanha “A vida pede atitude. Movimente-se: faça mamografia anualmente”, em parceria com o Grupo Oncoclínicas e a UNACCAN. A ideia é desafiar as mulheres a mudarem seus hábitos de vida e passarem a cuidar mais da saúde, especialmente em relação à alimentação saudável, à realização de exercícios físicos regularmente e aos exames preventivos.

A SBM quer mostrar que a vida pede uma atitude e que as mulheres podem aproveitar o movimento do Outubro Rosa para iniciar uma mudança de hábitos em sua rotina, como praticar exercícios físicos, ingerir alimentos saudáveis e realizar os exames preventivos. “Queremos mostrar que isso é essencial durante toda a vida para evitar não só o câncer de mama, mas outras doenças”, explica o presidente da Sociedade Brasileira de Mastologia, Ruffo de Freitas Junior.

Pesquisadores membros da Sociedade Brasileira de Mastologia acabam de concluir um estudo que revela que o risco de ter câncer de mama aumenta consideravelmente em mulheres na pré e pós-menopausa que apresentam excesso de gordura corporal especialmente na região abdominal. O estudo também mostrou que as altas medidas da circunferência da cintura também provocam um risco aumentado para complicações metabólicas e cardiovasculares.

Segundo Ruffo, a mudança de atitude também deve partir dos médicos, que devem realizar um atendimento de boa qualidade às pacientes, brigar por maior acesso à mamografia, lutar pela diminuição do tempo entre o diagnóstico e início do tratamento, ou seja, fazer valer a lei dos 60 dias (que prevê que todo paciente diagnosticado com câncer inicie o tratamento no prazo máximo de 60 dias após o diagnóstico), e realizar a reconstrução da mama no ato da cirurgia como um todo. “Essa luta é de todos para que as mulheres possam contar com os benefícios que têm direito e não sofram tanto por conta da doença. Se todos trabalharem juntos podemos salvar cada vez mais vidas”, afirma o presidente.

Alimentação saudável e prática de atividade física devem ser planejadas, de maneira que seja uma rotina na vida da mulher.

[otw_shortcode_divider margin_top_bottom=”30″ text=”MEDIDAS IMPORTANTES DE PREVENÇÃO” text_position=”otw-text-center”][/otw_shortcode_divider]

– Comer bem, de maneira geral, seria não ficar muito tempo sem alimentar-se, ou seja, comer de três em três horas, em pequenas quantidades, sempre priorizando os alimentos naturais e evitando os alimentos industrializados.

– O ideal é evitar o excesso de carboidratos simples, como açúcar adicionado aos alimentos, doces, sucos de caixinha ou saquinho, refrigerantes, pão branco, macarrão, sempre preferindo as opções integrais.

– Gorduras em excesso devem ser evitadas tanto para a quantidade quanto a qualidade da gordura ingerida.

– Procurar ingerir proteínas de boa qualidade, principalmente o consumo de frutas, legumes e verduras por serem fontes de vitaminas e minerais essenciais, e ricas em fibras que ajudam na saciedade e no funcionamento adequado do intestino.

– A palavra que não pode faltar para alcançar uma alimentação saudável é o “planejamento”. Saia de casa com seu dia alimentar planejado e tente segui-lo da melhor forma possível.

[otw_shortcode_divider margin_top_bottom=”30″ text=”Sobre o câncer de mama” text_position=”otw-text-center”][/otw_shortcode_divider]

campanha-outubro-rosa

O câncer de mama é a segunda maior causa de morte das mulheres no Brasil e exige cuidados. A previsão do Instituto Nacional do Câncer (Inca) é de quase 60 mil novos casos este ano.

Com informações do portal www.sbmastologia.com.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui