Tristeza: Goiás supera a marca de 10 mil vidas perdidas para a Covid-19

Nesta quinta-feira (18), Estado registra 10.045 mortes confirmadas em decorrência da doença

0
10 mil vidas perdidas para a Covid-19, Goiás supera a marca de 10 mil vidas perdidas para a Covid-19, 10 mil vidas perdidas Covid-19 Goiás, 10.045 mortes, 10.045 óbitos
Foto: reprodução/Pexels

Na manhã desta quinta-feira (18), Goiás atingiu números extremamente tristes e alarmantes. O Estado superou a marca de 10 mil vidas perdidas para a Covid-19, com 10.045 óbitos confirmados em decorrência da pandemia.

+ Clique aqui e acompanhe todas as nossas notícias relacionadas ao coronavírus

De acordo com dados fornecidos pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-GO), outras 272 mortes suspeitas estão sob investigação e 62 foram descartadas. A taxa de letalidade em Goiás no momento é de 2,25%.

Nesta quarta-feira (17), o Estado somava 9.910 mortes. Dessa forma, em um período de 24 horas, foram registrados 135 novos óbitos.

Na mesma data, o consórcio formado por veículos de imprensa apontou que Goiás tem a maior média móvel de mortes do Brasil pela doença, com alta de 210%.

O total confirmado de pessoas que foram infectadas pela Covid-19 no Estado é de 447.038. Outros 239.171 casos estão descartados.

Leitos

Até o fechamento desta matéria, a rede de hospitais públicos estaduais registra ocupação de 90.36% do total de 1.245 leitos destinados exclusivamente aos pacientes de Covid-19.

As 541 UTIs exclusivas tem ocupação de 97.78%, com 442 leitos ocupados, 87 bloqueados e 12 disponíveis.

Já a estrutura de enfermarias dedicadas a estes pacientes, que conta com 704 leitos, tem taxa de ocupação de 84,66% no momento. São 412 leitos ocupados, 184 bloqueados e 108 disponíveis.

Situação de calamidade

Conforme o mapa de calor da Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO), que aponta em quais regiões a incidência da Covid-19 está mais elevada, 17 das 18 regionais de saúde em todo o Estado apresentam situação de calamidade.

São elas: Central, Centro Sul, Entorno Norte, Entorno Sul, Estrada de Ferro, Nordeste I, Norte, Oeste I, Oeste II, Pirineus, Rio Vermelho, Serra da Mesa, Sudoeste I, Sudoeste II, Sul, Vale do São Patrício I e Vale do São Patrício II.

Já a região Nordeste II, formada pelos municípios de Alvorada do Norte, Buritinópolis, Damianópolis, Guarani de Goiás, Iaciara, Mambaí, Nova Roma, Posse, São Domingos, Simolândia e Sitio d’Abadia está em situação crítica.

Mapa de calor da Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO). Foto: reprodução

A TODAS AS FAMÍLIAS ENLUTADAS, NOSSOS MAIS SINCEROS SENTIMENTOS.

Recomende este conteúdo aos seus amigos nas redes sociais e acompanhe a Factual no FacebookTwitter e Instagram.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui