Retetê: Novo espaço tático de ocupação urbana será inaugurado neste sábado, em Goiânia

0
retete-divulgacao-2

Sol, música boa, bebida gelada, comidinhas gostosas. Sabe aquele dia de quentura que a única coisa que você tem vontade de fazer em Goiânia é ficar deitado no chão frio? Agora é a vez de se refrescar no Retetê, um beer garden que mistura deck, pista de dança, bar, parada gastronômica e rua não apenas como um lugar de passagem, mas para possibilitar encontros. Criado pelos produtores Caio Alê – da festa semanal Bapho! e Lucas Manga e Carol Maia, proprietários do El Club, o projeto abarca as diferentes possibilidades do urbanismo tático nas vielas do Setor Marista e será lançado neste sábado, 19, em caráter de soft open.

O Retetê foi criado em 2015 como uma espécie de festa itinerante que acontecia sempre no fim da tarde, com discotecagens especiais e comida, como o Churrascão, por exemplo, que ocupou o Centro Cultural Martim Cererê. Para agora, o espaço brinca com a memória daqueles que conheceram a festa e que podem se divertir durante a tarde num ambiente que é ao mesmo tempo bar, jardim e balada.

O foco agora não é em evento específico. É no espaço. Ter a vontade de ter um lugar, um espaço físico com essa proposta. Trazer a ideia do que eu que vi em Nova York, uma vontade de curtir o sol em um lugar desses depois de meses de inverno. Por que não trazer essa vontade pra cá, já que a gente tem esse sol e clima de verão o tempo inteiro?, indaga Lucas Manga.

mais de oito anos que os sócios trabalham com produção de festas e baladas, com foco para uma alternativa para a noite de Goiânia. A vontade de abrir o local cresceu junto com a experiência dos três. A ideia agora é de criar uma espécie de catarse coletiva, o livre acesso entre a rua e as pessoas. O funcionamento do beer garden, por exemplo, vai se sistematizar em entradas gratuitas e num esquema novo de check in e check out, dando mais liberdade para o cliente. Ele pode sair, curtir outro lugar e voltar, ou ficar do lado de dentro, de fora. É pra se sentir na casa de um brother, curtindo a festinha, reitera Manga.

caio_carol_lucas-divulgacao
Os produtores Caio Alê, Carol Maia e Lucas Manga, idealizadores do projeto Retetê. Foto: divulgação.

[otw_shortcode_divider margin_top_bottom=”30″ text=”De dentro pra fora: gastronomia” text_position=”otw-text-center”][/otw_shortcode_divider]

Um dos focos do Retetê é a experiência do público com o espaço. Para isso, não será cobrado couvert artístico em evento algum e toda a cozinha é assinada pela hamburgueria CAWA, do chef Caio Caetano, que busca inspirações na culinária tradicional e com referência dos livros de receita de sua avó. Aos poucos ele foi formando sua identidade gastronômica artesanal e preocupada com a qualidade dos ingredientes, que os combina de uma forma nova para proporcionar sabores únicos, conta Caio Alê.

Sem mesas e cadeiras separadas, com uma abertura maior com a rua, Lucas avisa que o jardim tem um compromisso com a valorização da experiência. Estamos falando de ocupação urbana. Queremos que as pessoas ocupem o lugar de forma despretenciosa, como se estivessem recebendo amigos em casa, sentadas em almofadas no nosso deck, ou conhecendo pessoas novas em uma de nossas mesas coletivas, pontua o sócio.

[otw_shortcode_divider margin_top_bottom=”30″ text=”Abertura” text_position=”otw-text-center”][/otw_shortcode_divider]

O Retetê será aberto no próximo sábado, 19 de novembro, em caráter de soft open. Sem uma programação específica, de quarta a sábado ele funciona a partir das 19h. Aos domingos, às 16h, um pouco mais cedo para aproveitar o sol de Goiânia.

Mais informações: @retete

retete-divulgacao-3

[otw_shortcode_divider margin_top_bottom=”30″ text=”ANOTE” text_position=”otw-text-center”][/otw_shortcode_divider]

Abertura Retetê

Data: sábado, 19 de novembro
Horário: 16h
Endereço: Viela 1.133, n. 118 – Setor Marista
Ponto de referência: próximo a Avenida Ricardo Paranhos

Entrada gratuita

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui