Parlamentares aprovam o fim do horário de verão em Goiás

0
horário-de-verão

Uma notícia pegou a população goiana de surpresa. Na tarde de segunda-feira (22), foi aprovado o projeto de lei de nº 3489/16, que dispõe sobre o fim do famigerado horário de verão em Goiás. A proposta é de autoria do deputado Luis Cesar Bueno (PT) e foi aprovado em votação unânime.

Segundo o parlamentar, ao adiantar em uma hora o relógio, as pessoas passam a levantar mais cedo, sofrendo no próprio corpo as consequências que isso acarreta, com sonolência, fadiga, dores de cabeça, falta de concentração e irritabilidade. O deputado ainda salientou: “não se pode negar que a população paga um preço alto com a mudança de horários”.

Luis Cesar Bueno também enfatizou as consequências relacionadas à questão da segurança. Segundo o deputado, o horário de verão facilita crimes cometidos durante a madrugada. “A escuridão das primeiras horas da manhã abriga malfeitores de todos os quilates. O risco de ser vítima de assalto, roubos e outras espécies de violência é muito grande”, finalizou.

O horário de verão tem como característica principal, o adiantamento do relógio em uma hora. A medida visa o melhor aproveitamento da luz do sol, ao invés das lâmpadas elétricas. No ano passado, a estimativa da Companhia Energética de Goiás (Celg), era de que houvesse uma economia de energia de 4% no Estado, sendo registrada principalmente no período entre 18h e 21h.

Atualmente, a medida é adotada anualmente nos Estados das regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e no Distrito Federal. Com a aprovação, o projeto agora segue para o Executivo, onde aguardará a sanção do Governador Marconi Perillo.

Com informações do portal da ALEGO.

VEJA TAMBÉM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui