Câmara Municipal aprova lei que retira a obrigatoriedade do uso de máscaras em Aparecida de Goiânia

Após sanção do prefeito Gustavo Mendanha (sem partido), o uso do acessório na cidade, seja em ambiente aberto ou fechado, não será mais obrigatório

0
uso de máscaras em Aparecida de Goiânia, Câmara Municipal de Aparecida de Goiânia, lei que retira a obrigatoriedade do uso de máscaras em Aparecida de Goiânia, uso de máscaras Aparecida de Goiânia, uso de máscaras em Aparecida
Foto: Marcelo Silva/Câmara Municipal de Aparecida de Goiânia

A Câmara Municipal de Aparecida de Goiânia aprovou nesta terça-feira (15), durante sessão ordinária, o Projeto de Lei Nº 013/2022, de autoria da Prefeitura, que revoga a Lei Municipal nº 3.558/2020, a qual tratava sobre o uso obrigatório de máscaras de proteção facial como medida de prevenção da pandemia provocada pelo coronavírus no município.

+ Clique aqui e acompanhe todas as nossas notícias relacionadas ao coronavírus

A aprovação por parte dos vereadores ocorreu em comissões reunidas, o que acelerou os trâmites legislativos. Com isso, assim que a lei for sancionada pelo prefeito Gustavo Mendanha (sem partido), o uso de máscaras na cidade, seja em ambiente aberto ou fechado, não será mais obrigatório.

A gestão municipal justificou o fim da obrigatoriedade citando que atualmente Aparecida possui apenas 277 casos ativos, todos monitorados pela Telemedicina, sendo que dos 83 leitos de UTI ativos para tratamento da Covid-19 na rede pública municipal, apenas 27 estão ocupados, indicando uma taxa de 32,53% e que dos 94 leitos de enfermaria, 14 encontram-se ocupados, representando 14,89% deles.

Recomende este conteúdo aos seus amigos nas redes sociais e acompanhe a Factual no FacebookTwitter e Instagram.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui