Complexo Viário da Avenida Jamel Cecílio é inaugurado em Goiânia

Empreendimento, batizado de Complexo Viário José Luiz da Costa, homenageia o cantor goiano Leandro, morto em 1998, vítima de câncer

0
Complexo Viário da Avenida Jamel Cecílio, Avenida Jamel Cecílio, viaduto da Avenida Jamel Cecílio, Complexo Viário José Luiz da Costa, viaduto Jamel Cecílio
Foto do projeto do Complexo Viário da Jamel Cecílio, já com o monumento que envolverá o novo viaduto. Conclusão de toda a obra está prevista para o primeiro trimestre de 2021. Foto: divulgação/Prefeitura de Goiânia

Foi inaugurado na manhã desta terça-feira (22), pelo prefeito Iris Rezende, o viaduto do Complexo Viário da Jamel Cecílio. A obra integra o conjunto de ações desenvolvidas pela Prefeitura de Goiânia, nos últimos quatro anos, para melhorar a mobilidade urbana da Capital. Além de maior mobilidade, a construção do complexo está trazendo outros ganhos para a região, como um novo sistema de drenagem, paisagismo e iluminação.

Batizado de Complexo Viário José Luiz da Costa, o empreendimento homenageia o cantor goiano Leandro, que junto com o irmão, Leonardo, formou a dupla sertaneja Leandro & Leonardo. O artista morreu em 1998, vítima de câncer.

A obra é composta por três elementos diferentes de engenharia: o elevado, na Jamel Cecílio, uma rotatória em nível, na Alameda Leopoldo de Bulhões, e a trincheira, na Marginal Botafogo, passando por baixo de tudo.

O complexo é uma das maiores intervenções da Prefeitura de Goiânia nos últimos anos, na busca por maior fluidez ao tráfego. O elevado na Jamel Cecílio dará fluxo direto para as pessoas que querem acessar a BR-153, a GO-020 ou os bairros e condomínios da região; a Marginal Botafogo vai realmente funcionar como uma via expressa, sem nenhuma interferência semafórica; já quem desce a Alameda Leopoldo de Bulhões terá acesso, à direita, para a Jamel Cecílio, ou à esquerda, para o Setor Sul, bastando fazer o contorno da rotatória e seguir ou retornar à própria Alameda.

O trânsito vai fluir para todos os lados, sem interferência de sinaleiro, beneficiando diretamente setores como o Parque Flamboyant, Alphaville, Portal do Sol, Alto da Glória e Jardim Goiás.

Concluído o viaduto, as obras continuam para a construção da trincheira e da rotatória. A previsão é que todo o complexo esteja totalmente pronto no primeiro trimestre de 2021.

Últimos ajustes antes da inauguração da obra, na Avenida Jamel Cecílio. Foto: divulgação/Prefeitura de Goiânia

Monumento

Depois de pronto, o Complexo Viário José Luiz da Costa vai ganhar um monumento estruturado por dois arcos que envolvem o novo viaduto e formam uma parábola que representa o que o goiano tem de mais caro: a capacidade de acolher todos os visitantes desde a primeira hora.

O monumento, cujo arco maior terá aproximadamente 30 metros de altura, e o menor, 22 metros, será construído em estrutura metálica em aço galvanizado revestido com chapas eletro fundidas e pintura à base de poliuretano; a iluminação será em Led, o que permite que ele receba diferentes cores durante a noite.

Recomende este conteúdo aos seus amigos nas redes sociais e acompanhe a Factual no FacebookTwitter e Instagram.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui