Governo publica decreto que limita em 50% a capacidade máxima do transporte de passageiros em Goiás

Determinação abrange transporte coletivo intermunicipal público e privado, em áreas urbana e rural. Trabalhadores de atividades essenciais continuam tendo embarque prioritário nos horários de pico da manhã e da tarde na Grande Goiânia

0
capacidade máxima do transporte de passageiros, plano emergencial para o transporte público, transporte público coletivo, transporte público coletivo Goiás, governo de Goiás, plano emergencial, aumento da passagem de ônibus em Goiânia, tarifa do transporte coletivo, Goiânia, reajuste, Câmara Deliberativa de Transporte de Coletivo (CDTC), Transporte coletivo será paralisado, Transporte coletivo será paralisado em Goiânia, paralisação Transporte coletivo Goiânia, paralisação citybus Goiânia, transporte coletivo Goiânia
Foto: reprodução/RMTC Goiânia

O Governo de Goiás publicou nesta terça-feira (30), no Diário Oficial, o decreto nº 9.840, que limita em 50% a capacidade máxima do transporte de passageiros em todo o Estado. O objetivo é reduzir a transmissão do novo coronavírus.

+ Clique aqui e acompanhe todas as nossas notícias relacionadas ao coronavírus

As empresas, bem como os concessionários e os permissionários do sistema de transporte coletivo, além dos operadores do sistema de mobilidade, devem adotar e cumprir a medida em todo o território estadual.

Dessa forma, fica determinado que o transporte de passageiros, público ou privado, urbano e rural, não pode exceder a 50% da capacidade máxima de passageiros.

A limitação também vale para o transporte coletivo intermunicipal, público ou privado, que também não deve exceder a 50% da capacidade máxima do transporte de passageiros.

Os trabalhadores das atividades essenciais da Grande Goiânia continuam tendo prioridade de embarque no transporte coletivo urbano. Para comprovar o vínculo empregatício, o trabalhador pode apresentar o contrato de trabalho, carteira de trabalho, crachás ou outro documento que confirme o emprego.

O decreto entra em vigor a partir da sua publicação e vai valer durante o período de 14 dias de liberação das atividades econômicas.

Embarque prioritário

O cadastro de trabalhadores de serviços essenciais da Grande Goiânia pode ser feito a qualquer momento pelo site www.rmtcgoiania.com.br/embarqueprioritario.

Nos casos de problemas, o usuário deve entrar em contato com o fone 0800 648 2222, número da RMTC, disponível para esclarecer dúvidas.

Os horários para a prioridade de embarque ocorrem das 5h45 às 7h15 e das 16h45 às 18h15.

Recomende este conteúdo aos seus amigos nas redes sociais e acompanhe a Factual no FacebookTwitter e Instagram.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui